Fantastic Four – O Desastre da Marvel

f4-teaser-poster-usAnos depois de levar ao cinema a familia mais famosa da Marvel, a Fox, detentora dos direitos cinematograficos de Fantastic Four, resolve fazer um reboot das personagens, esquecendo por completo os fracos filmes protagonizados por Jessica Alba e Chris Evans antes dos seus tempos como Captain America. Para tal, resolvem recorrer a Josh Trank, acabado de sair do muito competente e aclamado Chronicle, um found-footage com super-herois (mais ou menos) e a um elenco de caras novas que tem conseguido marcar alguma presenca noutros projectos.

Miles Teller, Michael B. Jordan, Kate Mara e Jamie Bell sao os novos herois e Toby Kebell e o novo vilao de servico, um Dr. Doom mais moderno mas que nada tem a ver com as suas verdadeiras origens dos comics. Com um elenco destes e com Trank, um talento promissor, quase nada poderia correr mal… No entanto, tudo corre mal!

ap_film_fantastic_four_still_jc_150807_16x9_992Trank ate que comeca por ter uma obra relativamente interessante, apesar de defeitos. No entanto, no momento em que as personagens ganham os seus poderes, tudo o que se tinha feito antes e perdido: nota-se uma clarra interferencia por parte do estudio para tornar o filme mais mexido, criando assim uma salganhada completa, com os obvios reshoots a mistura sendo a prova disso a mudanca radical do cabelo de Kate Mara que, entre as filmagens e os reshoots, tinha cortado o cabelo para The Martian, usando assim nas novas cenas uma nada subtil peruca… Com o elenco a apreceber-se das complicacoes que o projecto estava a ter, e bastante clara a sua falta de interesse no terceiro acto, acto esse bastante fraco.

THE FANTASTIC FOURUm dos grandes problemas deste Fantastic Four acaba por ser a razao da sua existencia… Digo isto porque depois de ver o filme de Trank, acabo por nao encontrar grande razao pela qual a Fox decidiu fazer o reboot, considerando que nada acontece no filme: eles ganham os poderes, enfrentam Doom num combate de pouca imaginacao e encontram o nome para o grupo… nada mais se passa que leve a querer ver mais aventuras destas personagens.

Trank tem assim uma oportunidade perdida, devido aos varios problemas que causou nos bastidores, mesmo que possa ser verdade que esta versao nao seja o filme que tinha iniciamente idealizado. No entanto, a sua carreira tera dificuldades em recuperar desta experiencia. So esperamos que nao leve o elenco atras. E pena mas realmente o fracasso justifica-se…

Trailer:

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s