Sessão de Culto #133: Naked Lunch

MPW-50071O canadiano David Cronenberg tornou-se num dos grandes nomes do cinema de terror e do fantástico das últimas décadas. Com obras geniais e bizarras como Videodrome, Scanners e The Fly, o realizador mostrou ao mundo que tem uma visão única e pertubadora. Portanto, quando Cronenberg pega numa novela de William S. Burroughs, Naked Lunch, o mundo sabia que iria conhecer mais uma obra notável do cineasta.

Naked Lunch acaba por ser um dos trabalhos mais bizarros de Cronenberg e também um dos filmes mais notáveis. Peter Weller, aqui no auge da sua carreira, é o protagonista e tem consigo um elenco de nomes conhecidos: Judy Davis, Ian Holm, Roy Schneider e Julian Sands. 91RjjOhOh9L._SL1500_Cronenberg cria uma obra que não se dirige para todo o tipo de público (algo vulgar na sua carreira), com um conto abstracto e estranho sobre um exterminador que se encontra drogado com o seu prórpio material, julgando tratar-se então de um agente secreto que recebe ordens de um extra-terrestre e de um insecto.

Com uma bem sucedida carreira em exibição limitada quando estreou, Naked Lunch foi também um sucesso de crítica. No entanto, foi ganhando mais fãs com o pasar dos anos, conseguindo criar um fiel seguimento de culto.

Trailer:

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s